De Olho no Boxe                                      Demo

Norma técnica

Boxe de banheiro tem norma técnica!

Você sabia que existe uma norma técnica específica para boxes de banheiro? Nós estamos falando da NBR 14207 — Boxes de banheiro fabricados com vidro de segurança. Grande parte do conteúdo dessa norma está relacionada à segurança que os componentes do boxe devem oferecer. Mas a norma também fala sobre a responsabilidade do profissional vidraceiro, que é quem entrega o boxe ao consumidor. Por isso, vidraceiro, é muito importante que você conheça a norma! Se você ainda não a conhecia, chegou a hora de aprender sobre ela.

Manual de uso

A norma diz que, sempre que o vidraceiro instalar um boxe para o cliente, deve entregar um manual de uso. Esse manual orienta o público sobre o uso do produto e também informa como agir em caso de problemas. O programa De Olho no Boxe disponibiliza a você, vidraceiro, um modelo de manual. Ele pode ser acessado aqui. Baixe o arquivo, imprima e entregue para os seus clientes! Na versão em Word, você pode acrescentar informações de acordo com o produto de sua empresa e incluir sua logomarca.

Manutenção preventiva

Outra exigência da norma: fazer a manutenção preventiva do boxe a cada doze meses — veja aqui todas as informações necessárias sobre esse serviço. É muito importante que os consumidores tenham conhecimento dessa informação — e que contratem o serviço no prazo determinado.
Você não pode esquecer de avisar ao cliente sobre a manutenção no momento da instalação. Também é bom lembrá-lo quando a data do serviço estiver próxima.
Para isso, é importante:

  • Ter controle sobre as datas das vendas de boxes para cada cliente. A Abravidro disponibiliza aqui um modelo de planilha para ajudá-lo nesse assunto
  • Veja também o vídeo explicativo sobre o trabalho de manutenção
  • Não esqueça de baixar e imprimir o cartaz de divulgação do serviço para ser exposto em sua loja

Pontos específicos

A norma também aborda pontos específicos, como os tipos de vidro que devem ser utilizados, marcação e tamanho do produto, dentre outros. Abaixo, selecione os temas destacados e veja o que a norma diz sobre eles.

Tipos de vidro

Conforme a norma, somente os vidros listados a seguir podem ser instalados nos boxes de banheiros:

  • temperado
  • temperado com película de segurança
  • laminado

Marcação do produto

A norma indica que o vidro precisa ter o nome ou logomarca de seu fabricante. O boxe também deve identificar a empresa responsável pela instalação. Por isso, exija a marca da fabricante no vidro e coloque a sua nos boxes. Use a criatividade para que a identificação não incomode o cliente e não se perca com o tempo.

Contato entre o vidro e outros materiais

O vidro não pode entrar em contato com materiais duros que possam danificá-lo. Por isso, a norma recomenda colocar materiais intercalados entre o vidro e peças metálicas ou alvenaria, por exemplo.
Os furos e recortes devem receber uma proteção (calço, bucha etc.) de materiais que não absorvam água (não hidroscópicos) e que não apodreçam (imputrescíveis).

Tamanho do vidro

A NBR 14207 apresenta uma tabela com sugestões de tamanhos nominais para a instalação do vidro. Nessa tabela, estão relacionados a largura e altura da peça, a espessura e o tipo de vidro.

Ensaios do boxe e dos seus componentes

A norma diz que devem ser feitos ensaios do boxe montado e também dos acessórios e ferragens para testar a resistência mecânica e a resistência quanto à corrosão em ambientes úmidos.
O objetivo é garantir a durabilidade e a segurança na utilização do produto. Realizados em laboratórios credenciados pelo Inmetro, os ensaios devem seguir a metodologia descrita na NBR 14207.
A seguir, conheça quais os ensaios aplicados:
Névoa salina
Para serem aprovados, os componentes do boxe (roldanas, dobradiças, parafusos e rebites) não podem apresentar qualquer característica que altere a sua finalidade de uso (por exemplo, oxidação vermelha). Após ensaiados e aprovados, os componentes são utilizados na montagem de um boxe que será submetido a outros ensaios.
Ciclo de abertura e fechamento
É verificado se o boxe atende o requisito de esforço após o ensaio de movimentos de abertura e fechamento da porta.
Deslocamento em boxe de canto
O boxe de canto será submetido a um ensaio específico que avalia a resistência ao deslocamento. É medida a altura central do boxe com as portas fechadas e depois com as portas abertas.
Resistência ao impacto As peças móveis e fixas são submetidas a impactos conforme as determinações da norma, tais como peso, dimensão, altura, força etc.
Avaliação da película de segurança (quando utilizada)
O ensaio avalia se a película atende as especificações de segurança — após a quebra, a película deve garantir que a porta do boxe faça pelo menos um movimento completo de abrir e fechar sem se soltar da estrutura e se mantenha ligada a ela por duas horas (no mínimo).

Verifique se os produtos dos seus fornecedores atendem os ensaios previstos pela norma. Isso lhe dará maior segurança na comercialização do boxe.

Projeto do boxe

  • Projeto e instalação
  • Segundo a norma, o projeto e a instalação do boxe devem considerar o tipo de estrutura e a resistência da alvenaria. Também precisam dar atenção especial ao prumo e ao nível do conjunto.
  • Atenção aos detalhes
  • Para evitar ocorrência de problemas na instalação, é necessário dar total atenção:
    • aos detalhes de rebaixos
    • ao posicionamento das peças sanitárias
    • às instalações embutidas
  • Boxes com portas de abrir somente para dentro
  • Nesses modelos, um dos vidros deve ser de fácil remoção. O consumidor precisa receber instruções sobre a forma correta de fazer essa remoção caso ocorra algum acidente.
  • Para evitar o vazamento de água de dentro para fora do boxe, deve-se:
    • Vedar os vidros fixos com silicone e/ou borracha de vedação ou qualquer outro material que impeça a passagem da água
    • Preencher as folgas entre os perfis de alumínio e a alvenaria com material impermeabilizante (silicone, por exemplo)
    • Fazer drenos no perfil guia para a escoamento de toda a água acumulada para o lado de dentro do boxe
    • Ter atenção ao posicionamento do chuveiro. A norma determina que, para chuveiro localizado do lado contrário ou perpendicular à porta, o transpasse mínimo exigido é de 50 mm — se menor, é recomendada a instalação de perfil de vedação

Instalação

A norma informa que o boxe deve ser instalado por um profissional qualificado, que tenha recebido treinamento específico sobre a instalação desse produto — esse é você, vidraceiro!
Se você tiver qualquer dificuldade quanto a essas atividades, temos aqui em nosso site uma área com diversos cursos que podem lhe ajudar. Aproveite!

Como ter acesso às normas

Para você adquirir normas técnicas, entre em contato com a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Se você possui uma micro ou pequena empresa, poderá ter normas técnicas por um terço do valor praticado, graças ao convênio entre a ABNT e o Sebrae.

Saiba mais em www.abntcatalogo.com.br/sebrae

ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas

Apoio

Brisa VidrosSaint-Gobain GlassTec-Vidro

Siga-nos nas redes sociais!

ABRAVIDRO
Comercial Casa das Caldeiras
Av. Francisco Matarazzo, 1752, sala 615
Água Branca, São Paulo, SP
05014-000

Tel: (11) 3873-9908
Fax: (11) 3873-9910

abravidro@abravidro.org.br